Podcast a missão…

Foi tanta informação nos coments que devo fazer algumas considerações.

Pra deixar claro, o lance de Rádio na Internet, não é apenas analogia, Programas em podcast, em MP3 com player automático ou não, ou arquivos de áudio mp3 em zip para download, que tenham conteúdo locutado, vinhetado e editado , são sim rádio na internet. Novamente me refiro a Rádio no conceito utilitário e não no conceito “ondas”.

Tudo que é produzido hoje, seja bom ou ruim vem, da essência dos formatos utilizados nas rádios, que são inúmeros, bons ou ruins também, interessantes ou não.

Rádio = áudio reproduzido por uma mídia (emissora de rádio) e ouvido por muitos ao mesmo tempo e naquele momento X apenas.

Podcast = áudio reproduzido por uma mídia (internet) e ouvido por muitos, não ao mesmo tempo e cada um num momento diferente.

A utilização desta referência a meu ver, deve ser sempre utilizada, por que ela é isto. Se vc fala para leigos em internet, vc vai com menos termos como RSS, Agregador, para digerir melhor, para os mais sabidos, vc fala podcast ou meu programa de áudio na internet, minha rádio na internet, sei lá….

Não elitizem o produto pois ele não é isto, aliás nem é um produto, e nem é UMA MÍDIA, é uma forma de entrega de áudio.

Mídia é o tipo de arquivo Mp3, uma mídia digital, como chamamos de mídia o CD físico.

Mídia é também um veículo, como TV, Rádio e a Internet.

Portanto  podcast, não é nem um veículo nem um arquivo. O programa em Podcast é uma mídia (arquivo MP3) distribuída em outra mídia (veículo internet).

O Itiro comentou:

Não adianta dizer que um não tem a ver com o outro.

Aliás, alguns programas de rádio, já são gravados e disponibilizados como podcast.

Logo será possível ‘baixar’ podcasts nos rádios dos automóveis, juntamente com as rádios online, via Internet sem fio.

Internet Car Radio:
http://www.technologyreview.com/communications/22173/?a=f

E então… será que os dois não estão bem próximos?

Bingo Itiro!!

89FM

MixFM

Isto é rádio na Internet só pq foi produzido pela emissora???

Não,  é rádio pois usa o mesmo conceito de entretenimento auditivo, com roteiros formatados de forma inteligente para gerar interesse dos ouvintes, que são chamados roteiros de rádio, que poderiam ser apenas roteiros de áudio. Mas qdo se especificou isto a rádio era a única forma de se transmitir áudio. Ok, carros de som antigamente eram muito utilizados para reproduzir áudios, então vamos fazer de conta que eu pegue o ADD do Maestro Billy e toque num carro de som, lá na praça do centro, na frente da igreja matriz, sim isto é uma rádio, um CARCAST, ou AUTOCAST. Por acaso o carro vira mídia (arquivo mp3)? Não. Mas ele vira veículo, sim!! (sem trocadilhos, por favor). Pois ele se tornou uma forma nova de levar aquele conteúdo. No caso de podcast este utiliza um veículo já existente, a internet. Deu pra entender?

O AUTOCAST passará a receber adesivos de propaganda, bandeirinhas, distribuirá adesivos dos patocinadores, além do locutor vender  Rugol nos seus Breaks comerciais ou nas vinhetas de oferecimento. Isto também faz parte dos veículos comerciais que conhecemos.

Simples assim.

#prontofalei